Tempo médio de leitura desse post: 5 minutos

Olha, tem tanta coisa boa esse mês que estamos até pensando em fazer o Hospeda indica quinzenal, a partir de  Maio. O que vocês acham?

Tem a Rebeca de Lima, promessa do boxe feminino para a Olimpíada de Tóquio, em 2020. A Barkley, maratona mais difícil do mundo. Tem trilha do Oiapoque ao Chuí (literalmente). Tem a mamãe Serena Willians e a Peixinho, responsável por um projeto super legal de inclusão por meio da natação em Salvador.

Amamos esportes, ok, isso não é novidade para ninguém, mas uma das coisas que mais nos encanta é que por meio dele conseguimos estabelecer objetivos, ampliar limites e transformar vidas. Tá aí a inspiradora história da Rebeca de Lima pra provar isso <3 Aos 17 anos ela é promessa para o boxe brasileiro na Olimpíada de Tóquio, em 2020. A matéria é da Revista TPM e você pode acessar aqui

Do boxe vamos para a prova de corrida mais difícil do mundo, a Barkley Marathon. Em 32 anos de prova apenas 15 pessoas conseguiram completá-la! Diz aí, a fama de mais difícil no mundo é válida ou não é?
Algumas curiosidades:
– A prova é realizada no Frozen Head State Park, no Tennessee, EUA;
– Sua primeira edição foi realizada em 1986 e desde então apenas 35 atletas (nenhuma mulher) completaram a prova. Até hoje 1.100 atletas participaram da prova;
– O percurso consiste em 5 voltas de 32km na floresta que ganhou fama por servir de rota de fuga para James Earl Ray, o assassino do ativista político Martin Luther King Jr. e deve ser realizado em até 60 horas. Dentro desse tempo de prova ainda há obrigações a serem cumpridas como se alimentar e encontrar livros espalhados pelo trajeto, cada um deles contém uma página com o número de inscrição do atleta e elas garantem passagem pelos pontos obrigatórios
– O organizador oferece apenas 40 inscrições por ano e para se candidatar a uma delas o atleta, além de atender a critérios rigorosos de aptidão física também deve escrever uma redação expondo porque merece a vaga;
– Não pode usar GPS nem celular.
Difícil, né? A prova é tão famosa que tem até um documentário sobre ela na netflix (vale muito a pena assistir) e olha só como começa…Mini spoiler, desculpa, gente 🙂

Imagina só que legal ir do Oiapoque ao Chuí caminhando? A Coordenação Geral de Uso Público e Negócios do ICMBio, juntamente com diversos parceiros, está desenvolvendo a rede nacional de trilhas.

O Sistema Brasileiro de Trilhas de Longo Curso prevê, inicialmente, quatro grandes corredores. O Corredor Litorâneo, que ligará o Oiapoque ao Chuí; a Trilha Missão Cruls, que ligará a cidade de Goiás Velho até a Chapada dos Veadeiros; Caminhos do Peabiru, que ligará o Parque Nacional do Iguaçu ao litoral paranaense e a Estrada Real, atualmente percorrida por carros e bicicletas, ganhará também um percurso para os caminhantes. Para maiores informações clique aqui 

PS: essa notícia foi dica da Patricia Barcellos

Mãe e atleta número 1 do mundo no tênis, Serena Willians é tema de um documentário que será exibido a partir de Maio no canal norte-americano HBO. Adoramo o trailer

Finalizando nossas indicações de Abril, tinha muita coisa legal mesmo, né? Contamos mais uma história inspiradora, da baiana Sulamita Araújo, a Peixinho. Há 17 anos ela dá aula de natação no Porto da Barra em Salvador. Vale muito a pena clicar aqui para saber um pouco mais sobre ela 😉

Gostou? Quer indicar alguma coisa pra gente? Então comenta aqui em baixo ou manda um e-mail pra gente no contato@hospedaatleta.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *